PROMOVER ENCONTROS, REUNIR DIVERSIDADES

 

Ao longo de 31 anos, o Inverno Cultural UFSJ desenvolve ações para promover a formação cidadã pelas artes, democratizar o acesso à cultura, conviver com a comunidade e valorizar a cena artística. O maior programa de extensão da Universidade Federal de São João del-Rei é um festival de artes plurais, que acontece em julho em São João del-Rei/MG.

 

Objetivos:

  • Formação para a cidadania cultural.
  • Imersão gratuita em arte e cultura.
  • Capacitação e geração de renda dentro da economia da cultura.
  • Fomento ao turismo regional. 

 

ÁREAS DE ATUAÇÃO

 

Artes cênicas

Espetáculos, debates e formações em teatro, dança e circo

Os eventos e oficinas de artes cênicas promovem um encontro entre público e artistas, em um efetivo diálogo entre realidades distintas e a ficção. A arte e o cotidiano se aproximam, concretizando lugares de reflexão e poesia, em um encontro de diversas estéticas teatrais.

 

Maria Clara Ferrer é mestre e doutora em Artes Cênicas pela Université Sorbonne Nouvelle – Paris 3. É diretora, tradutora e professora nos cursos de graduação e pós-graduação de teatro da Universidade Federal de São João del-Rei. Entre 2008 e 2015, lecionou na Université Sorbonne Nouvelle – Paris 3 e na Université de Poitiers, dando aulas de estética, dramaturgia e história do teatro. Dirigiu diversos espetáculos no Brasil e na França, foi assistente de direção de Antônio Araujo, traduziu peças de autores franceses e brasileiros e publicou diversos artigos em periódicos nacionais e estrangeiros, interessando-se pelos conceitos de cena-paisagem e drama da percepção.

Nadiana de Assis Carvalho é mestra em Teatro pelo Programa de Pós-Graduação da Universidade do Estado de Santa Catarina (2015). Bacharel em Artes Cênicas/ Direção Teatral pela Universidade Federal de Ouro Preto (2011) e bacharel em Artes Cênicas/ Interpretação teatral pela Universidade Federal de Ouro Preto (2012). Tem experiência na área de artes, com ênfase em Direção e Interpretação Teatral. Atualmente exerce docência em Arte e Teatro na Universidade Federal de São João del-Rei.

 

Arte-educação

Ambiente para educação infantil por meio da arte e cultura

As oficinas e contações de histórias de arte-educação proporcionam momentos lúdicos e transformadores. Nelas, as crianças experimentam sua expressão mais espontânea, em um fazer concreto, vivenciando uma relação diferenciada com os sentidos, com o ato de ver, sentir o gosto e as texturas, cheirar, ouvir. Os canais sensoriais abrem as portas para que as crianças se descubram como sujeitos livres, criativos e participativos.

 

Déborah Engelender é artista visual, arte-educadora e psicopedagoga. Seu trabalho consiste em transformar materiais de desperdício em brinquedos, bem como escrever e ilustrar histórias. Realiza, há mais de 20 anos, oficinas para crianças, professores e interessados em descobrir que brincar e fazer arte podem trazer grandes revelações. Coordena, desde 2009, a área de Arte-Educação do Inverno Cultural UFSJ.

 

Artes visuais

Exposições, aulas abertas, oficinas, sessões de vídeo e cinema

As artes visuais abrangem variadas formas de expressão, como desenho, pintura, gravura, vídeo, dentre outras manifestações. O campo associa diferentes expressões artísticas a fim de gerar experiências estéticas que possibilitem a integração, reflexão e interpretação, caras ao desenvolvimento cultural pleno das sociedades contemporâneas.

 

Kleber José da Silva é doutor na área de Processos e Procedimentos Artísticos pela Universidade Estadual Paulista - UNESP. Atua como professor no curso de Artes Aplicadas na Universidade Federal de São João del-Rei. Tem experiência na área de Artes, com ênfase em Fundamentos e Crítica das Artes, atuando principalmente nos seguintes temas: cerâmica, processo de criação, arte sacra, pintura e escultura. 

Cristiano Lima Sales é Mestre em História pela Universidade Federal de São João del-Rei (2012), graduado em História (Licenciatura e Bacharelado) pela UFSJ, graduado em Estudos Sociais/Geografia (Licenciatura) pela Faculdade de Ciências Humanas de Curvelo (2007). Atua principalmente nas seguintes áreas de pesquisa, prática e docência: arte, história, arqueologia, antropologia, geografia e educação. Atualmente é professor no curso de Artes Aplicadas da UFSJ com ênfase em Cerâmica, lecionando conteúdos relativos à história da arte e da cultura, modelagem em cerâmica, disciplinas de formação artística e outras com conteúdo transdisciplinar voltadas para a abordagem da cerâmica como elemento de caráter histórico-antropológico integrante da cultura material e do universo simbólico das sociedades humanas. Paralelamente à atividade acadêmica, dedica-se à carreira de ceramista, na qual procura fazer experimentações pessoais, unindo pesquisa e prática artística. Atua ainda, esporadicamente, nos campos da fotografia, do artesanato, da pintura e do paisagismo.

 

Literatura

Conversas a fio entre letras e memórias

A literatura é vista como a arte completa: traz uma experiência mágica ao leitor por utilizar das palavras para (des)construir a realidade. A área leva a literatura para os espaços culturais, ruas e, principalmente, ao cotidiano das pessoas. Dá ao público a possibilidade de vivenciar e aprofundar o conhecimento no universo das letras. Para isso, oferece oficinas, recitais, performances poéticas, exposições, debates e outras atividades.

 

Deborah Walter de Moura Castro é licenciada em Letras, pela UFMG, mestre em Literatura de Expressão Inglesa e doutora em Estudos Literários, também pela UFMG. Além de professora de língua inglesa e literatura, tem realizado produções artísticas e literárias, muitas vezes pautadas em suas pesquisas. Tem interesse nas relações entre palavra e imagem, poéticas em torno do silêncio e os estudos da melancolia. 

 

 Música

Nos palcos e ruas, shows, recitais e concertos

A área de Música coloca em cena uma multiplicidade de expressões para promover o diálogo e vivências musicais. Shows, concertos, aulas abertas, palestras e oficinas procuram conectar o público com novas roupagens e expressões estéticas do campo.

 

Salomé Viegas é flautista e produtora cultural. Iniciou seu estudos de flauta na Orquestra Ribeiro Bastos, orquestra que atua desde 1981. Estudou no Conservatório Estadual de Música de São João del-Rei, onde concluiu o Curso Técnico em Flauta e Piano. Graduada pela Universidade Estadual de Minas Gerais. Mestre em Performance pela Universidade Federal de Minas Gerais. Professora  de Flauta do Conservatório Estadual de Música de São João del-Rei. Foi coordenadora da área de música do Inverno Cultural UFSJ durante 11 anos. 

 Mutirão Cultural - Ecologia de saberes

Encontros de experiências e práticas artísticas tradicionais

Os conhecimentos, as sabedorias, as artimanhas do ensinar e aprender têm de ser como os elementos que formam nossa praça imaginária: diversos. Mutirão Cultural promove encontros entre saberes tradicionais e populares, reunindo mestres populares, artesãos, griôs, dentre outros.

 

Michel Montandon de Oliveira é mestre em Estudos de Linguagens pelo Centro Federal de Educação Tecnológica de Minas Gerais (Cefet-MG) e graduado em Comunicação e Artes pela Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais. Estuda os campos da Linguagem, Educação e Tecnologias da Comunicação nos processos de criação em grupo. Pertence ao Grupo de Estudos & Pesquisas em Educomunicação da UFSJ, certificado pelo CNPq, e coordena dois projetos de extensão na instituição, a Van Educomunicativa, que visa promover a integração, interação e relacionamento da UFSJ com a comunidade da região do Campo das Vertentes por meio do desenvolvimento de práticas de educação e comunicação, e o Nav Cine, projeto de cunho artístico/cultural que tem como objetivo proporcionar experiências de produção em cinema para jovens do ensino médio e professores da rede pública. Entre 2012 e 2014, coordenou o Portal EMdiálogo em Minas Gerais, em parceria com o Observatório da Juventude da UFMG. Entre 2009 e 2011, lecionou na Oi Kabum! Escola de Arte e Tecnologia coordenada pela Associação Imagem Comunitária (AIC).

  


CONTATOS INSTITUCIONAIS

 

Sérgio Augusto Araújo da Gama Cerqueira

Reitor da UFSJ

(32)3379-2340; Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

 

Weber Neder Issa

Contato institucional para patrocínio / Assessor de Relações Institucionais - UFSJ

(32) 3379-2345; (32) 9981-0174; Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

 

Ivan Vasconcelos Figueiredo

Coordenador geral do Inverno Cultural UFSJ e Pró-reitor de Extensão e Assuntos Comunitários

(32) 3379-2510; Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

 

Bezamat de Souza Neto

Gestor administrativo do Inverno Cultural UFSJ e Presidente da FAUF (Fundação de Apoio à UFSJ)

(32) 3373-5515; Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

 

Bruno Leal de Carvalho

Coordenador de Assessoria de Comunicação do Inverno Cultural UFSJ e assessor-chefe de Assessoria de Comunicação da UFSJ

(32) 3379-2530; Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.


Universidade Federal de São João del-Rei
Pró-Reitoria de Extensão e Assuntos Comunitários
1988-2019 © Todos os direitos reservados